6 dicas para começar com o pé direito em 2017 na minha pequena empresa

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

pequena-empresa-dicas-2017

Já chegamos ao fim de 2016 e, junto com ele, aparece também a necessidade de começar a pensar e planejar 2017 para começar o ano com o pé direito. Para que isso seja possível, é preciso colocar em prática alguns aspectos básicos que vão ajudar a criar estimativas que embasarão as ações da sua pequena empresa no próximo ano.

No artigo de hoje vamos apresentar algumas dicas a respeito desse assunto. Continue com a leitura e saiba como planejar melhor as operações da sua empresa!

1. Faça uma análise dos resultados passados

Pegue o histórico dos resultados — faturamento, lucratividade, rentabilidade, endividamento, custos, inadimplência e estoques, por exemplo — que sua empresa tem apresentado ultimamente e faça uma análise dos números.

Elas podem te ajudar a identificar alguns aspectos importantes, como:

  • Foram suficientes para alcançar as metas estabelecidas?
  • Os objetivos elaborados estavam condizentes com a realidade do negócio no mercado?
  • Quais motivos podem ter feito com que esses resultados não fossem ainda melhores?
  • O que poderia ter sido feito de diferente que aumentaria as possibilidades de obter números mais satisfatórios?

Além de ter uma ideia do desempenho que sua empresa apresentou no último ano, por exemplo, essa análise ajuda a identificar quais foram as falhas que impediram uma alavancagem no resultado e o que precisa ser mudado para conseguir chegar ao sucesso.

2. Estabeleça metas realistas para começar com o pé direito

Alguns empreendedores acreditam que, ao elaborar metas otimistas — ou seja, acima do que pode ser esperado —, o empenho no trabalho é ainda maior, fazendo com que os resultados, de fato, consigam ir além das expectativas.

Porém, quando se trata de planejar o futuro da empresa, principalmente sob a ótica financeira, o ideal é analisar a realidade em que o negócio se encontrar e criar objetivos que estejam mais coerentes com essa rotina. Isso ajuda a estabelecer um plano que seja possível de seguir, além de manter a visão mais realista.

3. Crie um planejamento estratégico

O planejamento estratégico é um documento elaborado pelo empreendedor, que contempla todos os aspectos ligados à empresa e suas estimativas para o futuro. Dessa forma, pode-se dizer que devem contar informações como: objetivos, situação atual, condições do mercado, pontos fortes e fracos (ambiente interno), oportunidades e ameaças (ambiente externo), necessidade de investimentos, entre outras coisas.

É importante que esse plano seja criado com todos os detalhes possíveis, pois é ele que guiará o empreendedor a respeito da estratégia adotada para alcançar as metas.

4. Defina o orçamento anual

Para conseguir controlar melhor todos os custos e evitar que eles sejam maiores do que o necessário — aumentando o risco de a receita não ser suficiente para cobri-los —, é recomendável criar um orçamento mensal para cada área, definindo um teto de gastos.

Além disso, esse acompanhamento ajuda a visualizar melhor onde e com o que o dinheiro da empresa é gasto.

5. Atualize a equipe a respeito das mudanças

Já se sabe que, para começar com o pé direito o ano de 2017, é necessário definir ações que serão tomadas — sejam elas de melhoria ou de correção de falhas. Para que isso funcione na prática, é preciso reunir a equipe, explicar sobre as mudanças e ressaltar a importância do empenho de cada um para que os objetivos possam ser alcançados.

6. Analise os setores e o pessoal — e faça uma reestruturação, se necessário

Pode ser que, durante o processo de análise da situação da empresa, seja identificada a necessidade de criar setores ou aumentar a equipe. Se isso for preciso, verifique a possibilidade de os recursos atuais serem aproveitados — estrutura, mão de obra e equipamentos, por exemplo — e quem serão as pessoas-chave na reestruturação, ou seja, aquelas que serão as multiplicadoras do conhecimento.

Como se pode ver, para começar com o pé direito o próximo ano é necessário investir um bom tempo planejando e analisando todos os aspectos operacionais, táticos e estratégicos, desde o passado até as previsões para o futuro.

Gostou desse artigo? Seu objetivo é fazer o sua empresa crescer em 2017? Então saiba como conhecer seu mercado antes de começar a expandir seu negócio!


Sage Business

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn