Fluxo de caixa projetado: veja 4 erros graves que você deve evitar

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

fluxo de caixa projetado

Cuidar da saúde financeira do negócio faz parte das funções de todo empresário: é preciso pensar em como manter o caixa positivo, garantindo maiores entradas e menores saídas de dinheiro. Uma maneira de fazer isso e proteger sua empresa contra a falta de recursos monetários é o planejamento por meio do fluxo de caixa projetado.

Não conhece essa ferramenta? Então acompanhe nossa postagem, entenda essa prática gerencial e veja 4 erros graves que devem ser evitados.

Não categorizar os dados

Um erro básico que afeta não só o fluxo de caixa projetado, mas as suas finanças como um todo, é não saber de forma detalhada como funcionam os seus gastos. Se você não categorizar seus gastos, é possível que não perceba algumas despesas que estejam aumentando exponencialmente e afetando de maneira negativa o seu negócio, o que trará problemas no futuro.

Utilizando um bom software de gestão, procure criar e analisar como está a evolução dos seus gastos e quanto cada um deles representa se comparado com o seu faturamento. Caso seja possível, gerencie aqueles custos que podem ser diminuídos ou procure cortar outros que não são essenciais em sua empresa. Essa mesma categorização pode ser utilizada para o entendimento das receitas.

Não ser realista em relação ao seu faturamento

Um dos elementos mais importantes utilizados na projeção do fluxo de caixa são as receitas, e não ser realista em relação a elas pode prejudicar o seu planejamento financeiro. Para isso, você precisa utilizar a categorização que já efetuou anteriormente, além de trabalhar com projeções, pesquisas de mercado e outros dados que poderão ajudar a projetar as entradas do seu fluxo de caixa.

Seja o mais realista possível e não crie uma expectativa de resultados que não se concretizará. Também é importante dar atenção ao trabalho que deverá ser feito para evitar a inadimplência; afinal, contar com as vendas a prazo e não receber de seus clientes pode prejudicar suas projeções.

Não compreender os seus prazos médios de pagamento e recebimento

Outro ponto que pode comprometer a projeção do seu fluxo de caixa é quando você não compreende os seus prazos de pagamento e recebimento. O prazo médio de pagamento é representado pelo tempo entre a data de compra e o desembolso para efetivamente pagar o fornecedor.

Já o prazo médio de recebimento é o tempo entre vender e receber de forma efetiva o dinheiro. Caso esses períodos não estejam bem alinhados, a médio e curto prazo você terá dificuldades financeiras, o que pode comprometer a sua projeção de fluxo de caixa e os recursos como um todo da empresa.

Assim, é necessário tentar negociar com seus fornecedores e não oferecer um horizonte de tempo muito grande para que seus clientes quitem suas dívidas.

Não contar com a sazonalidade

Em alguns casos, dependendo do tipo de atividade que você desempenha, é preciso levar em consideração possíveis sazonalidades — ou seja, épocas de maior e menor volume de atividades — na hora das projeções do fluxo de caixa.

Levar em consideração a sazonalidade é necessário para que, nos tempos de menor volume de vendas, você já possa estar preparado. Crie um fundo de reserva para atravessar os tempos de vacas magras, pois, mesmo que você não esteja vendendo ou produzindo, terá despesas relativas aos gastos fixos, como aluguel, salários dos funcionários e outros que ocorrem independentemente de seu faturamento.

Neste post, você compreendeu que a elaboração de forma correta do fluxo de caixa projetado é essencial em seu planejamento financeiro e alguns erros podem comprometer o uso dessa ferramenta. Não utilizar categorias, não ser realista em relação ao seu faturamento e não conhecer seus prazos médios de pagamentos e recebimentos e possíveis sazonalidades envolvidas com o seu negócio pode colocar todo o seu planejamento a perder.

Como vai a sua projeção do fluxo de caixa? Você cometia algum desses erros antes de ler este artigo? Conte para a gente nos comentários!

SageStart_oferta_preco_Financeiro_735_123px

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn