5 dicas de gestão para escritórios de contabilidade

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

gestão

Quer gerenciar um escritório de contabilidade que seja reconhecido no mercado e obtenha credibilidade junto aos clientes? Então, prepare-se, caro gestor contábil em busca do seu lugar ao sol: para ter sucesso nessa empreitada, será preciso muita estratégia! Afinal, a concorrência é acirrada por todos os lados: das próprias empresas e instituições que muitas vezes preferem não terceirizar os serviços contábeis, de outros escritórios de contabilidade que abrem em cada esquina e fecham na mesma velocidade e, por fim, do governo, que tende a simplificar cada vez mais a prestação de contas por parte dos autônomos e microempresas.

Nesse cenário de guerra, abrir e manter um escritório de contabilidade pode parecer uma tremenda enrascada, pois, além da concorrência, há também a questão da receita. Lucros reais demoram a aparecer nos primeiros meses em que você vai basicamente pagar para trabalhar e manter sua infraestrutura básica de atendimento. É aí que a estratégia certa pode te ajudar a não jogar a toalha logo de cara e desistir do negócio dos seus sonhos.
Para que você conquiste sua independência, destacamos 5 estratégias vitais para a gestão do escritório contábil de modo a atrair a clientela e obter ótimos resultados:

1. Determine funções

O seu escritório de contabilidade pode ser pequeno, mas não quer dizer que ele deva funcionar na base do improviso. Ainda que inicialmente você conte com um quadro reduzido de funcionários ou sócios, estabeleça a função de cada um: quem irá controlar a folha de pagamento, quem irá recepcionar os clientes, quem cuidará do comercial. São tantos números que os contadores costumam deixar as contas da própria empresa para depois, então não cometa esse erro!

2. Verifique o contrato

Tal como jornalistas têm as suas pautas e médicos têm a ficha médica de cada paciente, o contrato é um guia do contador. Nele, devem estar expressos compromissos assumidos com os contratantes e a natureza desses serviços, cláusula por cláusula, inclusive com orçamento. O contrato também serve para uniformizar as informações às quais todos os funcionários do escritório têm acesso sobre os clientes.

3. Informatize-se

Já que falamos de determinar funções e passar a limpo um por um os contratos de trabalho, contar com um software de gestão contábil é imprescindível para otimizar o fluxo de informações dentro da empresa, de forma a aperfeiçoar a entrega dos serviços para os clientes dentro do prazo estipulado e com menos falhas.

4. Restrinja seu mercado

O mercado é vasto. Você pode atender tanto a clientes individuais quanto a empresas de diversos segmentos e instituições, como escolas e faculdades. Portanto, para não comprometer seus resultados e a excelência do serviço prestado, é preciso que você escolha os seus clientes de acordo com o perfil do seu escritório. Se por acaso quiser arriscar e atender o máximo possível de nichos, pelo menos atenda a um número que uma empresa do porte da sua suporte.

5. Invista em propaganda

Depois de arrumar a casa, é hora de crescer. Estabeleça um plano de marketing. A publicidade voltada para escritórios de contabilidade é especialmente regulada, passando por uma série de especificidades; portanto, o que conta mais no seu ramo é o famoso e eficaz boca a boca. Cultivar a base de clientes existentes custa mais barato que sair para angariar outros novos. Por isso, também, a especialização se torna uma prática mais rentável do que o investimento em frentes diversas do mercado.

Mas só a estratégia não basta para que um escritório contábil conquiste seu lugar mediante a forte concorrência. É preciso um líder com foco em resultados e gestão de pessoas para fazer com que o barco nunca afunde, além de passar para a comunidade em que atua uma imagem de credibilidade e eficiência na prestação de serviços.

 

E então, gostou das nossas dicas? Se conhece outras que podem ter grande impacto para o crescimento de um escritório de contabilidade, compartilhe com a gente!

 

relacionamento-contabil-plataforma-sage

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Um pensamento sobre “5 dicas de gestão para escritórios de contabilidade

  1. Pingback: 5 dicas de gestão para escritórios de contabilidade