7 dicas de finanças que todo empreendedor precisa conhecer

dicas de finanças

Em um período marcado pela crise e instabilidade financeira como esse que temos vivido, o empreendedor precisa ter um cuidado redobrado com as finanças da sua empresa. Pensando nisso, reunimos algumas dicas de finanças para manter o seu empreendimento preparado para crescer e longe da crise. Confira!

Organize seu fluxo de caixa

Todo o dinheiro que entra e sai de sua empresa deve aparecer no seu fluxo de caixa. É a partir dessas informações constantemente atualizadas que o empreendedor verifica se o saldo está positivo ou negativo. Caso o saldo no vermelho seja frequente, você precisa rever todas as movimentações financeiras de seu negócio.

Controle seu estoque

Tão importante quanto a organização do fluxo de caixa é o controle de estoque. Com as informações atualizadas, você pode verificar se há produtos parados no estoque e pensar em estratégias para transformar esse dinheiro parado em lucro com uma promoção, por exemplo. É também a oportunidade de revisar os preços e contratos com os fornecedores.

Corte gastos

Identifique e elimine todos os desperdícios que têm acontecido em sua empresa. As grandes e pequenas despesas devem ser passadas a limpo: do papel gasto na impressão, passando pela luz acesa sem necessidade até o fornecedor que aumentou repentinamente o preço de uma matéria-prima. Tempos de crise exigem medidas de contenção de despesas para manter as finanças em ordem.

Não se esqueça do capital de giro

O empreendedor precisa dispor de uma reserva de dinheiro para lidar com problemas que podem surgir de última hora. O capital de giro é a garantia de que os negócios podem fluir mesmo em condições mais adversas da economia, por isso é preciso bastante atenção e disciplina na hora de administrar esses recursos. Lembre-se que ele deve ser utilizado apenas em casos emergenciais.

Cuidado redobrado com os empréstimos

Pode ser que o empreendedor não disponha de um capital de giro e necessite de um empréstimo para alavancar o negócio ou cumprir com algum compromisso. Para não comprometer as finanças da empresa é preciso que você analise com cuidado as condições de pagamento, bem como as taxas de administração e juros.

Separe a conta pessoal da empresarial

Alguns empreendedores não veem problema em misturar as finanças do negócio com as pessoais. Entretanto, ao manter essas duas contas conjuntas, nunca haverá lucratividade no negócio. Outro complicador nesses casos é a dificuldade em reinvestir o dinheiro gerado no negócio sem utilizar os recursos pessoais. Mantenha as duas finanças separadas e lembre-se que o lucro da empresa serve para investir em seu crescimento. Se for o caso, o empreendedor pode estabelecer um salário que ajuda em suas despesas pessoais, mas que não comprometa os recursos financeiros do negócio.

Ajude suas finanças: utilize um sistema de gestão empresarial

Já imaginou as informações de fluxo de caixa, plano de contas, controles financeiros, de estoque e de vendas reunidos em uma única ferramenta? O Sage Start é um sistema de gestão empresarial que oferece soluções simples, seguras e personalizadas para suprir as necessidades do seu negócio. Clique aqui para maiores informações.

Gostou das nossas dicas de finanças? E você, empreendedor, conte aqui abaixo nos comentários quais são as suas dicas de finanças especiais para os tempos de crise.

SageStart_oferta_preco_Financeiro_735_123px

Compartilhe: