Por que o marketing de tecnologia tem que estar no radar dos CEOs?

Novas soluções completamente inovadoras devem permitir que as empresas atinjam mais consumidores de forma mais rápida e com menores custos.

A tecnologia está presente em absolutamente tudo o que fazemos. Quando falamos de gestão empresarial, então, dissociar uma coisa da outra pode significar que a sua empresa não está preparada para enfrentar o dia a dia do mercado. Não são apenas os avanços em si da indústria, mas também o marketing de tecnologia deve ser observado pelos CEOs.

São as soluções inteligentes que vão permitir aos gestores de uma companhia reduzir custos de produção, entender melhor os consumidores e estar presentes no maior número possível de canais de distribuição, sempre com assertividade. Em outras palavras, isso significa que a geração de dados e a análise dessas informações deve ser uma constante na vida de todo CEO.

As companhias devem focar no consumidor

Já passamos da era em que o produto era o principal objeto de devoção por parte das empresas. No mundo atual, o foco deve ser sempre o consumidor. Isso significa que todo produto precisa ser criado para atender as demandas específicas de uma determinada classe de consumo. E, para que isso seja possível, antes de tudo você precisa ouvi-los.

A primeira etapa, portanto, é a de se certificar de que você está empregando todas as tecnologias disponíveis para ouvir os seus consumidores. Estabelecer canais de comunicação, seja por meios tradicionais ou pouco convencionais, se torna parte fundamental do processo. É somente recebendo e analisando essas informações que você poderá construir um produto que atenda às demandas de um mercado em constante mudança.

É preciso ganhar em competitividade

Uma das características da globalização é o acirramento da competitividade entre as empresas. Hoje, muitos serviços podem ser considerados “comuns”, ou seja, são acessíveis a todas as companhias, sejam elas grandes ou pequenas. Assim, estar antenado com o mercado passa a ser mais do que uma obrigação e deixar de lado certas tecnologias pode ser fatal para os negócios.

Quando um número muito grande de empresas começa a competir em condições iguais, qualquer pequeno diferencial se torna uma grande vantagem competitiva, e é justamente aí que você deve buscar a inovação. A adoção de uma tecnologia ainda no início pode garantir o fôlego necessário para que você se posicione à frente enquanto as demais correm atrás para se adaptar.

Esteja onde o consumidor está

Vivemos em uma era em que é cada vez maior o número de dispositivos conectados. Essa verdadeira revolução possibilitada pela telefonia fez com que a percepção que temos dos canais de compra tradicionais mudassem completamente. Hoje, é possível viver com tranquilidade em grandes cidades sem precisar sair de casa para comprar nenhum item, por exemplo.

Os consumidores estão nas redes sociais, em pequenos grupos, em comunidades e muitos não são mais alcançados pelas grandes mídias, como a TV ou o rádio. Por isso, é preciso repensar a maneira como você se comunica com os seus clientes. Você precisa estar onde eles estão e não apenas forçar para que eles venham para canais tradicionais onde você esteve a vida inteira. O mundo mudou, mude com ele.

Atenda a demanda e se mantenha competitivo

Você já percebeu que são muitas coisas a se fazer, não é mesmo? Conhecer o perfil dos seus consumidores, ouvir e entender o que eles esperam, transformar os seus produtos em algo esperado por eles e comunicar o seu trabalho por meio dos canais corretos – que existem em número cada vez maior.

Todo esse trabalho vai requerer também uma abordagem não tradicional. As ferramentas com as quais você estava acostumado a lidar não vão servir mais de forma tão eficiente. Assim, tenha em mente que você precisa estar disposto a transformar o seu negócio quantas vezes for preciso para se manter competitivo. E o uso de novas tecnologias, nesse cenário, se torna um aspecto fundamental.

Olho vivo nas mudanças

Acima de tudo, não tenha medo de mudar. Você vai precisar ter um olhar sempre atento às novas tecnologias e aquelas que forem compatíveis com o seu negócio devem ser adotadas. Muitas vezes, deixar uma zona de conforto é a única razão que impede a inovação, ou seja, por medo de errar, as empresas erram insistindo em ferramentas e métodos defasados.

As mudanças ocorridas no mercado são constantes. A melhor escolha hoje pode não ser mais a melhor escolha daqui a seis meses. Por isso, mais do que nunca, é preciso observar os seus concorrentes e buscar referenciais de inovação em outras partes do mundo. Estar atento aos lançamentos tecnológicos, visitando feiras internacionais, fóruns de inovação ou testar tecnologias antes que se tornem comerciais podem significar um salto enorme para o seu negócio.

LEIA MAIS:

Comentários